"Moinhos Abertos na Lourinhã" com agenda diversificada e atrativa

08-04-2018
Entre os dias 7 e 9 de abril, o Município da Lourinhã promoveu a 5ª edição local do evento “Moinhos Abertos na Lourinhã", em parceria com Juntas de Freguesia, associações, proprietários e amigos dos moinhos. Uma vez mais, foi dado a conhecer o importante património molinológico do concelho, celebrando-se ainda o Dia Nacional dos Moinhos (7 de abril) e o Dia dos Moinhos Abertos (9 de abril).


Ao visitante foi proporcionada a oportunidade de conhecer 15 moinhos locais com marcas de preservação e de assistir a processos tradicionais, como a moagem da farinha e o fabrico do pão.

Acompanhada de perto pelo presidente da Câmara João Duarte de Carvalho, e por outros membros do Executivo, a agenda reservou ainda caminhadas, exposições, artesanato, gastronomia e folclore, entre muitas outras iniciativas. Do programa,destaque para a realização da caminhada noturna "Caminhos e Moinhos", que reuniu cerca de 50 participantes e percorreu a rota de moinhos da Moita dos Ferreiros, numa iniciativa integrada no roteiro municipal de caminhadas. Também no Reguengo Grande, mas no domingo, decorreu a caminhada "Moinhos, Miradouros e Azenhas", que reuniu perto de três dezenas de participantes e que, tal como o nome indica, deu a conhecer estes elementos patrimoniais que marcam esta freguesia do interior do concelho.

O Alto dos Moinhos, na Pinhôa – Moita dos Ferreiros, foi palco de duas iniciativas emblemáticas desta edição dos "Moinhos Abertos da Lourinhã" com a criação do mural "Comigo ainda fazem farinha", composto por frases alusivas aos moinhos, e com a Oficina "Olaria e Pincéis", que consistiu na decoração com pintura de búzios por crianças e membros da comunidade e que serão integrados em moinhos deste conjunto molinológico.

Dedicado às escolas e instituições particulares de solidariedade social do concelho, o dia 9 de abril reservou visitas comentadas aos moinhos em todas as freguesias aderentes, sendo de destacar a deslocação do moleiro Guilherme Hipólito Ferreira, do moinho do Carrascal,do Reguengo Grande, à Escola Básica do 1.º Ciclo desta localidade, para contar histórias relacionadas com a tradicional arte de fazer farinha. A  atividade reuniu perto de uma centena de participantes e contou com a presença do vereador José Tomé e da representante da Junta de Freguesia do Reguengo Grande, Maria João Inácio.  Ao longo da iniciativa foi ainda oferecido um postal comemorativo da iniciativa, ao representante desta profissão quase extinta.

Fizeram parte desta rota de Moinhos Abertos do concelho, o moinho do Carlos na Zambujeira e os moinhos da Cabaceira na Atalaia, integrados na União de Freguesias da Lourinhã e Atalaia. No Reguengo Grande estiveram abertos os moinhos do Carrascal e do Viso. Na freguesia da Moita dos Ferreiros, na localidade da Pinhôa, conhecida pelo Alto dos Moinhos, esteve aberto o conjunto molinológico, composto pelos exemplares do Xico, de Santa Maria, do Xico d’Antónia, o moinho Bar e os moinhos do Careca. Já na freguesia de S. Bartolomeu e Moledo, abriram as portas os moinhos do Anselmo, do Afonso, do Fernando e do Pantónio na localidade do Moledo.

  •   Menu acessível
  • Promotor Oeste Portugal
  •   Oeste CIM
  • Co-financiamento Compete
  •   QREN
  •   União Europeia
Powered by Powered by U-LINK
2006 - 2018 © Câmara Municipal da Lourinhã - Todos os Direitos Reservados.