Espaço Nova Paleo promove investigação paleontológica na Lourinhã

22-01-2019
Espaço Nova Paleo promove investigação paleontológica na Lourinhã
O Município da Lourinhã, o GEAL - Museu da Lourinhã e a Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa (FCT - UNL) assinaram esta segunda-feira um protocolo de cooperação tendo em vista a criação do Espaço Nova Paleo, na Lourinhã, com o objetivo principal de promover o desenvolvimento da investigação científica no domínio da paleontologia.

A assinatura deste protocolo surge no âmbito do convénio entre a Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova (FCT-UNL) e o GEAL, existente desde 1999. O Espaço Nova Paleo, situado no 1.º piso do Mercado Municipal, foi inaugurado logo após a cerimónia de assinatura, pelo presidente da Câmara Municipal da Lourinhã, João Duarte de Carvalho, pelo diretor da FCT NOVA, professor Virgílio Cruz Machado, e pela presidente da Direção do GEAL - Museu da Lourinhã, Lubélia Gonçalves.

O edil lourinhanense destacou que "a celebração deste protocolo permite abrir mais um capítulo na relação de amizade entre estas três entidades, mas também formalizar uma parceria institucional, que contribuirá para que se continue a fazer investigação científica de excelência na Lourinhã, através da supervisão e apoio académico da FCT, e com o suporte operacional e institucional do GEAL e do Município da Lourinhã".

Já o diretor da FCT-UNEL, elogiou a região e o trabalho do GEAL e do Município da Lourinhã na promoção do território da Lourinhã para o estudo paleontológico.

"A nível mundial é de todo o interesse o que a Lourinhã tem. Queremos ajudar a tornar mais científicas e credíveis as descobertas que aqui são feitas e este acordo permitirá desenvolver ainda mais o conhecimento desta região", destacou.

Já Lubélia Gonçalves, do GEAL, agradeceu ao Município e à FCT-UNL o trabalho que tem sido desenvolvido e destacou o facto desta parceria entre a instituição que representa e a Universidade Nova de Lisboa ter já 20 anos.

O NovaPaleo destina-se à realização de trabalhos de investigação científica paleontológica sobre os materiais paleontológicos do GEAL e da FCT - UNL, bem como de outras possíveis instituições, permitindo assim o estudo comparativo entre matéria oriunda do nosso concelho e de outros pontos do Mundo.

Deste modo, o Município da Lourinhã pretende desenvolver as bases para continuar a receber alunos de paleontologia, independentemente do seu grau académico, garantindo que no território reconhecido por ter um espólio único de fósseis do jurássico, se continue a fazer ciência de excelência.

O momento contou com a presença de estudantes e professores da FCT - UNL, investigadores e ainda com os vereadores em regime de permanência, Carla Custódio e João Serra, e com o Presidente da Assembleia Municipal, António Alberto Santos.

  •   Menu acessível
  • Promotor Oeste Portugal
  •   Oeste CIM
  • Co-financiamento Compete
  •   QREN
  •   União Europeia
Powered by Powered by U-LINK
2006 - 2019 © Câmara Municipal da Lourinhã - Todos os Direitos Reservados.