Grupos musicais

A informação contida nesta página corresponde a um primeiro levantamento sobre formações musicais existentes no concelho. A breve trecho serão incluídos novos registos. 

 Banda da Associação Musical e Artística Lourinhanense


A Banda da Lourinhã foi fundada em 2 de Janeiro de 1878, com a designação de Filarmónica Lourinhanense, sendo seu fundador e primeiro Maestro o Sr. Anacleto Marcos da Silva. Por volta dos anos trinta, a Banda passou a designar-se Banda dos Bombeiros Voluntários da Lourinhã. foto cedida pela Associação Musical e Artística Lourinhanense

Em 1988 constituiu-se a Associação Musical e Artística Lourinhanense, que a integrou. Durante os seus 135 anos de existência conta, no seu currículo, com inúmeras atuações um pouco por todo o país. [Ler mais
]


 Banda da Associação Musical de Atalaia

Inserida na Associação Desportiva e Recreativa Marítimo da Atalaia, a Escola de Música foi fundada em 1986, tendo sido dada a 1ª aula no dia 1 de Dezembro desse ano , por iniciativa de Joaquim Miguel dos Santos, Joaquim Isidoro dos Santos e Luís Fernando dos Santos. Como resultado da atividade da Escola, a Banda de Música fez a sua primeira atuação pública em 6 de setembro de 1987 nas festas de Nossa Senhora da Guia, tendo como objetivo ajudar os jovens da Freguesia e do Concelho a ocuparem de forma construtiva os seus tempos livres. [Ler mais]

 Banda Filarmónica da Sociedade Lírica Moitense 

Aos 5 de Agosto de 1923 um grupo de conterrâneos decidiu valorizar a educação musical da Freguesia de Moita dos Ferreiros. Ajudados pelo Reverendo Padre L. J. Seixal, deu-se o primeiro impulso para a fundação desta Banda, o que aconteceu no dia 9 de Agosto de 1925
, dia em que fez a primeira aparição em público por entre o delírio de toda a população local.

Foram seus fundadores António Emídio da Cruz e Silva, José Ricardo e António José da Silva Prazeres, com o maestro Eduardo Miguéis. [Ler mais]


Coro Municipal da Lourinhã

Fundado pela Câmara Municipal da Lourinhã no último trimestre de 2003, o Coro Municipal da Lourinhã começou os primeiros ensaios em Janeiro de 2004. Cinco meses depois fazia a sua primeira apresentação pública. Foi a 25 de Junho de 2004, na Igreja de Santa Maria do Castelo, na Lourinhã. [Ler mais]


Rancho Folclórico "As Moleirinhas do Seixal"


Houve nos anos 20, na nossa terra uma "Contradança" em que o «homem da concertina» era um familiar de um atual elemento do nosso rancho. Mais tarde, mais propriamente nos anos 40, formou-se um rancho folclórico, o qual durou sete anos.

Em certa altura, num café da nossa aldeia, recordando-se o folclore, surgiu a ideia de se formar um novo rancho. Alguns elementos infelizmente já falecidos, concretizaram esse pensamento. [Ler mais]


 Rancho Folclórico "Os Pescadores de Ribamar"

As raízes deste Rancho remontam ao ano de 1949, ano em que há memória da primeira atuação de um grupo de folclore de Ribamar. O Rancho foi, no entanto, fundado no ano de 1980 por ocasião do lançamento da primeira pedra das instalações do que é hoje o Centro Social e Cultural de Ribamar. É pois uma secção desta Instituição. Canta e dança a maior parte do reportório, que há mais de 50 anos se dançava e cantava nesta região nas tardes de domingo. 

"Os Pescadores de Ribamar" são um grupo
de folclore que recorda as gentes da vida do mar, mas também aquelas que trabalhavam a terra. 
[Ler mais]


 Rancho Folclórico "O Clibotas"


A ideia de formar um rancho folclórico na Misericórdia partiu de dois irmãos, Licínio e Mónica Assunção, em Setembro de 2005, no decorrer dos festejos em honra de Nossa Senhora da Misericórdia. Sob proposta de ambos, a questão foi debatida pela Liga de Amigos do Santuário de Nossa Senhora da Misericórdia no dia 4 de novembro do mesmo ano, tendo ficado decidida a formação do Rancho, que teria como meta divulgar os usos, costumes e trajes de outros tempos. 

Após terem sido convidados alguns elementos para integrarem o Rancho, realizou-se o primeiro ensaio no dia 11 de novembro, coordenado pelo ensaiador Licínio Assunção.
[Ler mais]

 


  Rancho Folclórico "Flores de Maio"

O Rancho Folclórico Flores de Maio nasceu a 20 de maio de 1986, mantendo-se em atividade até 1992. Em 2003 reiniciou a sua atividade, com o grupo que apresenta atualmente. O objetivo do Rancho Folclórico Flores de Maio é a divulgação etnográfica da região, nomeadamente das atividade , dos trajes, danças e cantares das nossas gentes.

Os trajes utilizados encontram-se relacionados com a agricultura e a pastorícia, as principais atividades económicas, havendo ainda o traje de ama e do ferreiro. [Ler mais]

  •   Menu acessível
  • Promotor Oeste Portugal
  •   Oeste CIM
  • Co-financiamento Compete
  •   QREN
  •   União Europeia
Powered by Powered by U-LINK
2006 - 2017 © Câmara Municipal da Lourinhã - Todos os Direitos Reservados.